LNNano - Brazilian Nanotechnology National Laboratory

Trabalho realizado no LNNano recebe prêmio de melhor tese

Trabalho de doutorado de Leandro Mercês foi escolhido como Melhor Tese de 2018 pelo Instituto de Física “Gleb Wataghin” (IFGW) da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). O trabalho intitulado “Electronic transport in semiconducting molecular ensembles” foi desenvolvido no Laboratório Nacional de Nanotecnologia (LNNano) à época em que Mercês foi bolsista de doutorado, sob a orientação do pesquisador do Laboratório, Cesar Bufon.  O prêmio foi entregue no dia 5 de julho de 2019, no próprio IFGW.

Carlos Bufon, à esquerda, e Leandro Mercês após entrega do Prêmio de Melhor Tese de Doutorado do IFGW

A tese de Mercês resultou em 6 publicações em revistas científicas internacionais, com destaques na capa frontal de duas edições do The Journal of Physical Chemistry C, em agosto de 2017 (https://pubs.acs.org/toc/jpccck/121/31) e junho de 2018 (https://pubs.acs.org/toc/jpccck/122/23). A tese também foi vencedora de três premiações em congressos internacionais e, ainda, abriu portas para uma colaboração de pesquisa entre o LNNano e a Universidade do Algarve, em Portugal.

O trabalho foi orientado pelos professores Carlos César Bof Bufon (LNNano/CNPEM) e Antonio Riul Júnior (IFGW/Unicamp). Contou com apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) e da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES).

O prêmio de Melhor Tese é celebrado anualmente pelo IFGW, que concede a honraria ao melhor trabalho defendido no Instituto. O requisito fundamental é que a tese escolhida apresente resultados originais que contribuam significativamente para avanços científicos e tecnológicos na área em que o trabalho se insere.